SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.serIII número1Impacto da formação profissional contínua nos custos do tratamento das feridas crónicasNexos entre o contexto histórico e a expansão do número de cursos superiores de Enfermagem nas regiões Sudeste e Sul do Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Revista de Enfermagem Referência

versão impressa ISSN 0874-0283

Rev. Enf. Ref. serIII n.1 Coimbra jul. 2010

 

Impressões dos transeuntes da Praça do Geraldo sobre os Enfermeiros

 

Maria Margarida Santana Fialho Sim-Sim*

* Professora-Coordenadora, Ph.D, Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus da Universidade de Évora. [margaridasimsim@gmail.com]

 

Resumo

Estudo exploratório que em abordagem de rua, recolhe em 412 sujeitos de ambos os sexos, com idades entre os 16 e 96 anos, em enunciado aberto de termos, as impressões que possuem relativamente aos enfermeiros. A amostra é de conveniência. Identificam-se maioritariamente impressões positivas através dos atributos enunciados, predominando a simpatia, valorizando-se as dimensões de desempenho profissional e contacto social positivo. Na imagem desejada salienta-se o contacto social e a interacção inclusiva. Os jovens são o grupo que mais enuncia impressões negativas. Observa-se uma tendência dos mais idosos para valorizar traços de contacto social positivo com os enfermeiros.

Palavras-chave: percepção; doentes; enfermeiros.

 

Geraldo Square transients Perceptions about Nurses

Abstract

This study has an exploratory nature, and 412 individuals of both sexes, with ages between 16 and 96, were approached at the street and asked to give their impressions of nurses. This is a convenience sample. Most of the opinions are positive; the qualities expressed include kindness, and the fields predominantly rated are work efficiency and positive social contact. Social contact and inclusive interaction are the two key-characteristics of a good nurse. Younger people have the largest number of negative opinions. Older people have a greater tendency to value positive social contact with nurses.

Keywords: perception; patients; nurses. 

 

Impresiones de los transeúntes de la Plaza de Geraldo acerca de los enfermeros

Resumen

Estudio de exploración que se centró en las calles, aplicado a 412 sujetos de ambos sexos, de 16 a 96 años de edad, con declaración de términos en abierto, sobre las impresiones que tienen acerca de los enfermeros. La muestra se ha obtenido en horarios variados. Se identifican impresiones positivas en su mayoría a través de los atributos enumerados, en las que predomina la amabilidad, se valoran las dimensiones de actuación profesional y las relaciones sociales positivas.

En la imagen deseada se subraya el contacto social y la interacción inclusiva. Los jóvenes forman parte del grupo que enuncia en su mayoría las impresiones negativas. Se observa una tendencia de las personas mayores para valorar rasgos de contacto social positivo con los enfermeros.

Palabras clave: percepción; pacientes; enfermeros.

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text only available in PDF format.

 

Referências bibliográficas

Barrett, E. (2002) - What is nursing science? Nursing Science Quaterly. Vol. 15, nº 1, p. 51-60.

Brito, A. (2008) - Representações sociais de discentes de enfermagem sobre ser enfermeiro [Em linha]. Belo Horizonte : Universidade Federal de Minas Gerais. Dissertação de mestrado. Disponível em WWW:<URL: http://www.enf.ufmg.br/mestrado/dissertacoes/AneildeMRBrito.pdf>.

Caetano, A. (1996) - Formação de impressões. In VALA, J. ; MONTEIRO, M. -Psicologia social. 2ª ed. Lisboa : Fundação Calouste Gulbenkian.

Colliére, M. (1999) - Promover a vida. Da prática das mulheres de virtude aos cuidados de enfermagem. Trad. de M. L. Abecassis. Lisboa : Lidel. Obra original publicada em 1996.

Curley, M. (2003) - Beyond Nightingale. The science of contemporary nursing. Heart murmurs [Em linha]. Disponível em WWW :<URL: http://web1.tch.harvard.edu/heartmurmurs/fall_winter2003/art4.html>.

DECRETO-LEI nº 31913/42. D.G. I Série. 58. (42-03-12) 228-230.

DECRETO-LEI nº 32612/42. D.G. I Série. 302. (42-12-31) 1711-1713.

DECRETO-LEI nº 44923/63. D.G. I Serie. 65. (63-03-18) 270.

Ferreira, P. [et al.] (2001) - Determinantes da satisfação dos utentes dos cuidados primários: o caso de Lisboa e Vale do Tejo. Revista Portuguesa de Saúde Pública. Vol. temático, nº 2, p. 53-61.

Fortin, M. (2009) - Fundamentos e etapas do processo de enfermagem. Trad. de N. Salgueiro. Loures : Lusodidacta. Obra original publicada em 2006.

Gill, C. J. ; Gill, G. C. (2005) - Nightingale in Scutari: her legacy reexamined. Clinical Infectious Diseases [Em linha]. Vol. 40, nº 12, p. 1799-1805. Disponível em WWW:<URL: http://www.journals.uchicago.edu/CID/journal/issues/v40n12/35459/35459.web.pdf>.

Gleitman, H. ; Fridlund, A. ; Reisberg, D. (2007). Psicologia. 7ª ed. Trad. de D. Silva. Lisboa : Fundação Calouste Gulbenkian. Obra original publicada em 1999.

Hogg, M. ; Vaughan, G. (2002) - Social psychology. 3ª ed. Harlow : Prentice Hall.

Kerouac, S. (1994) - La pensée infirmière : conceptions et stratégies Laval : Maloine.

LaSala, K. ; Nelson, J. (2005) - What contributes to professionalism? : professional issues. MedSurg Nursing. Vol. 14, nº 1, p. 63-67.

Luz, D. (2005) - Do fazer ao ser: representação social do enfermeiro para o aluno de enfermagem. Lisboa : Universidade Aberta. Dissertação de mestrado.

Machado, A. [et al.] (1997) - Representações sociais em enfermagem: comentários sobre teses e dissertações. Revista da Escola de Enfermagem USP. Vol. 31, nº 3, p. 486-497.        [ Links ]

Marconi, M. ; Lakatos, E. (2008) - Metodologia do trabalho científico. São Paulo : Editora Atlas.

Marques, B. [et al.] (2008) - As tendências na diversidade sócio-cultural dos enfermeiros: o olhar da população. Revista Investigação em Enfermagem. Nº 17, p. 85-89.

Meleis, A. I. (2007) - Theoretical nursing: development & progress. 4ª ed. Philadelphia : Lippincott Williams & Wilkins.

Montepare, J. ; Zebrowitz, L. (1998) - Person perception comes of age: the salience and significance of age in social judgments. In ZANNA, M. P., ed. lit. - Advances in experimental social psychology. San Diego : Academic Press. Vol. 30.

Nupponem, R. (1996) - Client views on periodic health examinations: opinions and personal experience. Journal of Advanced Nursing. Vol. 23, nº 3, p. 521-527.

OMS (2004) - Protecting young people from HIV and AIDS. The role of health services. Geneve : OMS

Pestana, M ; Gageiro, J. (2003) - Análise de dados para as ciências sociais. Lisboa : Sílabo.

Protugal. Ministério da Saúde. Direcção-Geral da Saúde (2005) - Saúde dos jovens em Portugal. Elementos de caracterização. Lisboa : DGS.

Rogers, M. ; Buchanan, R. ; Johnson, K. (1988) - First impressions: preferences of sponsors of nursing home patients in the search and interviewing process. Journal of Health Care Marketing. Vol. 8, nº 3, p. 33-41.

Sales, A. S. G. (2008) - Espelho meu… Espelho meu… : representação social da imagem do enfermeiro. Lisboa : Universidade Aberta. Dissertação de mestrado.

 

Recebido para publicação em: 30.09.2009

Aceite para publicação em: 28.04.10

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons